Reunião discute mudanças para criadores de cavalos, mulas e afins

Comissão de Equideocultura da Faeg discutiu assuntos que trazem muitas dúvidas aos produtores de equinos, asininos e muares

A Comissão de Equideocultura da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), discutiu na última segunda-feira (17/09), assuntos que trazem muitas dúvidas aos produtores de equinos, asininos e muares. Um deles é o desalinhamento de informações repassadas pelos técnicos da Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa). Segundo os criadores de equídeos estão havendo muitas divergências com relação as regras e legislação e isso precisa ser padronizado o quanto antes para evitar prejuízos.

Outra mudança solicitada, é a extinção do exame de anemia infecciosa junto a emissão de cada Guia de Trânsito Animal (GTA.  A não ser em casos de eventos. Será proposto para a Agrodefesa e depois para o Ministério da Agricultura que ele seja feito em todo o rebanho duas vezes por ano. Seguindo a mesma metodologia já aplicada para a febre aftosa. Também foi debatida a normativa que deve ser publicada pela Secretaria da Fazenda (SEFAZ), colocando a obrigação de emissão inscrição estadual para os criadores de equídeos. O produtor que for emitir a GTA e não tiver a inscrição, terá que fazer na Secretaria da Fazenda. Só assim efetuará o cadastro na Agrodefesa para emitir a guia de transporte.

A importância do cadastramento dos criadores e animais junto a Agrodefesa, para controle de doenças, foi outro destaque da reunião. Como muitos não entendem essa necessidade, uma professora do curso de Agronegócio da UEG, do Campus de Édeia, está usando uma estratégia. Alunos da universidade vão a eventos agropecuários da região e numa abordagem explicativa, estão conseguindo cadastrar muitos criadores. Com esses dados é possível traçar estratégias de educação sanitária. Os interessados no projeto podem ter informações na explicação da professora Priscila Nascimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *